X 22bet

Fut sports apostas

Enrico NazaréAutor da publicação: Enrico Nazaré

Por muito tempo encarada de maneira pejorativa, como do viciado que perde tudo relatado em tantos filmes, as apostas são na verdade mais uma fonte de renda variável. E, assim como acontece na Bolsa de Valores, trazem riscos na mesma medida em que permitem a multiplicação de capital.

Outro ponto interessante (o qual abordaremos ao longo do texto) é que não existe apenas uma modalidade de trabalhar com as apostas esportivas. Há, portanto, oportunidade para diferentes perfis que desejam investir no mercado esportivo. Vamos entender como isso funciona.

Como é a profissão de um apostador?

O primeiro modelo de trabalho é o clássico apostador, chamado tecnicamente de punter. Esse método é mais tradicional, isto é, o investidor escolhe uma aposta, define o valor que deseja investir e aguarda o resultado final da partida. Se ele acertar a aposta, o site escolhido paga o prêmio. Caso contrário, é às casas de apostas que ficam com o dinheiro.

Ao contrário do que muita gente pensa, contudo, o apostador profissional não aposta em jogos que ele acha que vai acontecer. O real trabalho é de buscar assimetrias de mercado, ou seja, apostar em eventos que ele acredite, mas principalmente quando as probabilidades oferecidas sejam menores do que as probabilidades reais para um evento.

Além disso, outra ideia geral é que o apostador só pode investir antes de um jogo começar e tem que aguardar até o final. Isso não é verdade: as apostas podem ser feitas ao longo de uma partida, permitindo que o investidor entenda o comportamento das equipes.

Como é a profissão de um trader esportivo?

Lembra-se que comentamos no começo deste texto sobre a Bolsa de Valores? Pois ela tem total relação com a segunda forma de apostar. Apesar de menos conhecido, o trabalho de um trader esportivo é muito semelhante ao que acontece no Mercado Financeiro.

Isso acontece em um ambiente um pouco diferente. Ao invés das casas de apostas, o trader esportivo atua na Bolsa Esportiva, uma plataforma de negociação de probabilidades que permite apostas a favor e contra determinados resultados ao longo de uma partida de futebol e de outras modalidades esportivas.

Pode parecer complicado em um primeiro momento, mas é bem parecido com a Bolsa de Valores, onde para você comprar uma ação precisa ter alguém querendo vendê-la no mesmo preço.

Qual é a diferença entre um apostador e um trader esportivo?

Como já mencionamos, a diferença de atuação entre os dois modelos de trabalho com as apostas esportivas começa na plataforma selecionada. Um apostador vai buscar por casas de apostas tradicionais, enquanto que o trader esportivo precisa de uma Bolsa Esportiva. A mais conhecida delas é a Betfair.

Outro ponto de diferenciação entre os dois métodos é a forma para lucrar com o mercado esportivo. O apostador, como talvez você já saiba, precisa acertar seu palpite para ganhar dinheiro. Portanto, ele depende do resultado final do jogo para saber o seu resultado financeiro.

Já no trading esportivo, essa dependência é praticamente nula. Como você pode “comprar” e “vender” as cotações ao longo do jogo, o foco do lucro está na variação das probabilidades. O resultado final do confronto pouco importa nessa abordagem de mercado.

Onde buscar conteúdo de qualidade sobre as apostas esportivas?

Antes de sair apostando por aí, é mais do que recomendável que você se informe e estude um pouco sobre o assunto. Vale lembrar que as apostas esportivas são uma modalidade de investimento que se enquadra em renda variável. Ou seja, você pode sim ganhar muito dinheiro, como pode amargar fortes prejuízos também.

Sendo assim, aproveite a internet. Existem, atualmente, diversos sites que abordam bons conteúdos gratuitos. Você pode até mesmo explorar alguns cursos gratuitos que compartilham toda base importante para começar nas apostas esportivas.

Como escolher uma casa de apostas confiável para investir?

Uma preocupação bastante comum entre apostadores iniciantes é a seleção de uma casa de apostas confiável. Ninguém quer, afinal, ficar com dinheiro preso ou ver o site não cumprindo as regras estabelecidas.

Abaixo, listamos algumas dicas para verificar que uma casa de apostas é realmente confiável para utilização nos seus investimentos.

  • O site apresenta regulamentação e fiscalização de entidades (a informação costuma ficar no rodapé)
  • O atendimento (suporte) é rápido e você tem fácil acesso ao tirar dúvidas
  • Bons limites para apostar em cada seleção
  • A casa de apostas não recebe tantas críticas em fóruns e comentários pela internet

Já para o trader esportivo, ainda é importante que a Bolsa Esportiva tenha liquidez, isto é, volume de dinheiro circulando. Neste caso, a recomendação é usar a própria Betfair, justamente por ser a maior plataforma para trading esportivo.

Dicas para ter sucesso como apostador

As apostas esportivas são, acima de tudo, muito divertidas. Você tem a chance de ganhar dinheiro com uma das grandes paixões do brasileiro: o futebol. No entanto, caso queira levar a sério e realmente lucrar com esse investimento, algumas regras são fundamentais. E vale reforçar que elas valem tanto para o apostador convencional, como para o trader.

Uma delas é a gestão de banca, nome aplicado à maneira pela qual você gerencia o seu capital. Seja extremamente conservador em relação a isso. Use pequenas parcelas do dinheiro a cada aposta, sendo recomendável que esse valor não seja superior a 2% por investimento. Assim, você protege o seu capital para o longo prazo.

Além disso, outro ponto fundamental é o controle emocional. Renda variável não tem esse nome por acaso: ela varia. Portanto, é fundamental estar preparado para oscilações no seu capital tanto para cima (lucro), como para baixo (prejuízo).

Benfica com velocidade 5G. A Luz é o primeiro estádio 5G do país

Benfica com velocidade 5G. A Luz é o primeiro estádio 5G do país

A NOS, que patrocina o Benfica, instalou a quinta geração móvel no estádio num momento em que ainda não há data de arranque para os serviços comerciais do 5G. Desde novembro que decorre o leilão.

Quando ainda não se sabe se há festivais, a NOS já tinha admitido que o futebol seria um território em que a operadora iria apostar com 5G. Nesta sexta-feira revelou como: a Luz é o primeiro estádio 5G do país. Quando puderem assistir aos jogos do Benfica em casa, os mais de 65 mil adeptos terão acesso a internet móvel dez vezes mais rápida. Com o leilão 5G a decorrer, ainda não há uma data de arranque para os serviços comercias da quinta geração móvel no país.

Leia também:

NOS: "Futebol será naturalmente o espaço para o 5G acontecer"

"Este é um marco tecnológico de enorme relevância para a NOS, quer pela construção do nosso caminho de liderança no 5G, quer pela transformação do Estádio do Sport Lisboa e Benfica numa arena desportiva altamente digital e inteligente, única em Portugal. Quando o 5G for uma realidade, queremos ser os primeiros a entregá-lo às pessoas e às empresas, e sendo o futebol um território natural para a tecnologia se desenvolver, faz todo o sentido criar, desde já, todas as condições para que isso aconteça", diz Manuel Ramalho Eanes, Administrador Executivo da NOS, citado em nota de imprensa.

A operadora dotou o estádio do Benfica, clube patrocinado pela NOS, de cobertura 5G permitindo aos adeptos e colaboradores do clube aceder a uma internet móvel em média 10 vezes mais rápida, com velocidades superiores a 1 Gbps."Isto significa downloads e uploads de fotografias ou vídeos de forma quase instantânea, ou videochamadas sem qualquer interrupção, com o estádio na sua máxima capacidade", garante a companhia.

Nos últimos seis meses, uma equipa de mais de 20 profissionais, esteve a instalar antenas 5G em cada uma das palas do estádio da Luz, garantindo a cobertura das bancadas, completada com um sistema de células 5G para cobertura de zonas estratégicas do Estádio, como Centro de Imprensa, Camarote Presidencial ou Camarote NOS.

Um trabalho que vai permitir que a capacidade da rede no espaço seja maior, processando um volume muito maior de dados. "Antes da pandemia, com a presença de público, a média de volume de dados por jogo ultrapassava 1 Terabyte, sendo expectável que com o 5G este número duplique ou triplique, dependendo da adesão das pessoas à tecnologia. Ao dotar o Estádio do Sport Lisboa e Benfica com tecnologia 5G, a NOS está, assim, a preparar-se para dar resposta a este aumento exponencial de tráfego que se espera para o futuro", refere a operadora.

"O Sport Lisboa e Benfica é um Clube onde a inovação está no centro da sua estratégia. Trata-se de um projeto transformador. Sermos o primeiro estádio 5G em Portugal é motivo de orgulho. Esta tecnologia irá aproximar ainda mais o Benfica dos seus Sócios, adeptos e simpatizantes. Significa uma experiência melhorada neste estádio, para todos os nossos adeptos e para o Benfica, como organização", diz Rui Costa, Vice-Presidente do Sport Lisboa e Benfica.

A quinta geração móvel disponível no estádio promete "transformar radicalmente" a experiência de quem assiste os jogos do clube, com "acesso a conteúdos de forma totalmente imersiva, graças à combinação do 5G com tecnologias como realidade virtual ou aumentada", mas também a "estatísticas do jogo ou dos jogadores em tempo real, possibilidade de escolher o ângulo a partir do qual se quer ver o jogo, ativando em tempo real uma das muitas câmaras que estão a ser utilizadas na emissão, ou possibilidade de fazer streaming de vídeo em direto, em alta qualidade e definição", descreve a companhia, que tem ainda os direitos dos jogos do clube e do canal do Benfica TV.

O 5G vai ainda permitir "otimizar a comunicação entre equipas técnicas, medir de forma precisa a performance dos jogadores e aceder a estatísticas e análises táticas em tempo real", assim como "beneficiará também todos os serviços relacionadas com o normal funcionamento do Clube, como emissões televisivas feitas a partir do estádio ou serviços de comércio e restauração."

5G ainda sem data de arranque

Com o leilão 5G a decorrer desde finais de novembro, ainda não há uma data para o arranque dos serviços comerciais da quinta geração móvel no país.

A 'delonga' do leilão - a fase de licitação principal (onde participam os operadores já no mercado, incluindo a NOS) decorre desde meados de janeiro, já ultrapassando as 350 rondas de licitação - levou na quinta-feira a Anacom a anunciar que vai alterar as regras do procedimento de modo a acelerar a licitação.

"Ilegal" é como a NOS considerou a decisão do regulador a meio do leilão, considerando que o único caminho que resta ao regulador é a demissão.

Futebol profissional gera 540 milhões em Portugal

Na época 2018-19, a Indústria do futebol profissional em Portugal contribuiu com 549 milhões de euros para o PIB português, o que perfaz 0,3% da riqueza nacional e a que corresponde um aumento de 39,2% face à temporada homóloga. Contribuiu ainda com 150 milhões de euros em impostos e foi responsável por mais de 2620 postos de trabalho, um aumento de quase 34% face ao ano anterior, revela a 3ª edição do Anuário do Futebol Profissional Português, uma parceria entre a Liga Portugal e a EY Portugal.

No documento apresentado hoje na Conferência “Futebol Profissional e Economia Pós Covid-19”, no Auditório do Parque dos Poetas, em Oeiras, lê-se que a subida da contribuição direta da indústria portuguesa de Futebol para o PIB deveu-se à entrada em vigor do novo ciclo de distribuição de receita das competições europeias (com um impacto positivo de 68 milhões), ao saldo crescente de transação de jogadores na Liga NOS (aumento de cerca de 72 milhões) e aos novos contratos de direitos audiovisuais com os operadores televisivos.

Numa época marcada pelo arranque do projeto de internacionalização da marca Liga Portugal - estreitamento de relação com a La Liga (Espanha) e com países de Língua Oficial Portuguesa -, Pedro Proença, presidente da Liga Portugal, destacou que “melhoria significativa dos principais rácios financeiros e económicos das Sociedades Desportivas” levou a “uma maior consolidação e equilíbrio competitivo” e a uma “maior preocupação em projetar as marcas dos emblemas e das competições do campeonato Português em novos mercados”.

“Foi uma época de grande dinamismo para o Futebol Profissional, sendo que o seu contributo para a economia nacional calculado neste Anuário fica, contudo, aquém da real dimensão, uma vez que da sua cadeia de valor resultam impactos indiretos e induzidos significativos que ainda não conseguimos contabilizar – como, por exemplo, os gastos em restauração em dias de jogo”, anotou Miguel Farinha, partner da EY Portugal e responsável pela área de Strategy and Transactions.

Sobre o impacto da pandemia de Covid-19, Proença sustentou que, apesar de ser “ainda impossível estimar as perdas avultadas” reforça a urgente obrigação do futebol “organizar-se de forma centralizada”, que permitirá “aumentar o poder negocial das empresas do setor face a um conjunto importante de ativos, como são os direitos audiovisuais”, referiu. Recorde-se que em 2018-2019, “67% dos jogos” da 1ª e 2ª Liga foram televisionados, um “aumento de 9 pontos percentuais face à época anterior.

Em relação ao futuro e à solidez do mundo da bola, de entre 12 temas vitais destacam-se a “centralização da comercialização dos direitos audiovisuais”, a “alteração dos regimes das apostas desportivas” proposta pela Liga Portugal, para uma “distribuição justa e equitativa da receita obtida pelas casas de apostas” e a “revisão do enquadramento fiscal em sede de IVA e IRC para as Sociedades Desportivas”, bem como a “diminuição de IRS relativa aos praticantes desportivos, enquanto políticas fiscais de incentivo à competitividade das Sociedades Desportivas”.

Principais questões

+
✅ Pois ela tem total relação com a segunda forma de apostar. Apesar de menos conhecido, o trabalho de um trader esportivo é muito semelhante ao que acontece no Mercado Financeiro.


Publicar comentário
Interessante
22-06-2021
Siebert Financial → Notícia
Siebert Financial → Notícia

Midway through trading Thursday, the Dow traded up 0...

30-05-2021
Benfica com velocidade 5G. A Luz é o primeiro estádio 5G do país
Benfica com velocidade 5G. A Luz é o primeiro estádio 5G do país

A NOS, que patrocina o Benfica, instalou a quinta geração móvel no estádio num momento em que ainda não há data de arranque para os serviços comerciais do 5G...

27-04-2021
Routledge International Handbook of Internet Gambling
Routledge International Handbook of Internet Gambling

Internet gambling is a rapidly growing phenomenon, which has profound social, psychological, economic, political, and policy implications...

01-06-2021
Tag: melhores sites de aposta
Tag: melhores sites de aposta

Betting can be a fruitful venture, but you must first get the tricks right...

20-06-2021
ESPORTES
ESPORTES

Diferente do que muitos acreditam, as apostas esportivas são lícitas e surge como novo método para ganhar dinheiro...

12-09-2021
Betsbola o bom do futebol brasileiro
Betsbola o bom do futebol brasileiro

Campinas, SP, 03 - O futebol é o esporte mais apostado no Brasil...