X 1xbet

Grupo de apostas esportivas whatsapp 2020

Enrico NazaréAutor da publicação: Enrico Nazaré

Sabemos que você já conhece e acompanha a Shaftscore. Independente de qual seja o esporte ou time do coração, trazemos em nosso site, placares esportivos de todo mundo tem tempo real, bem como palpites de apostas, bônus das melhores casas de apostas do mundo, artigos educativos, notícias e tudo que você precisa para se dar bem nas apostas online.

Antes de mais nada sugerimos você a se cadastrar na bet365, além de ser o maior casino online do mundo é confiável e paga os prêmios corretamente.

Também chegamos com uma forma de estar mais próximo de você e em contato constante. As TIPS do Telegram e Whatsapp da shaftscore são dicas de apostas nos grandes aplicativos de serviço de mensagens instantâneas , desse modo, disponibilizamos dicas para as próximas rodadas. As tips são baseados em análises competentes bem como prognósticos realizados por especialistas.

Portanto, continue a leitura para entender as vantagens desse serviço e entender porque você não pode ficar de fora dele. Basta acompanhar os tópicos abaixo!

  • O que você ganha ao entrar no nosso grupo de apostas do telegram e WhatsApp?
  • Como as TIPS do Telegram e WhatsApp da Shaftscore pode te ajudar?

O que você ganha ao entrar no nosso grupo de apostas no telegram e WhatsApp?

O que você ganha ao entrar no nosso grupo de apostas no telegram e WhatsApp?

Quem é novo no mercado de apostas esportivas costuma se sentir inseguro, perdido e não sabe por onde começar. O sentimento é completamente comum, afinal, ninguém quer investir dinheiro em algo quando não se tem a plena segurança sobre isso.

Muitos conceitos precisam ser estudados, portanto algumas dicas são sempre bem vindas. Desse modo, recorrer a grupos com tips de apostas é o ideal nesse momento.

Além de ampliar a rede de contatos e se manter por dentro do assunto a todo instante, você recebe do grupo muito mais do que receberia em uma rápida pesquisa em sites esportivos.

O velocidade e a qualidade de informações pode elevar bastante a precisão das suas apostas, então, fique ligado em tudo que você ganha ao entrar no grupo da TIPS Shaftscore:

  • Um resumo dos principais jogos do dia;
  • Análises e prognósticos fiéis de futebol;
  • Comentários e dicas de profissionais das apostas esportivas feitas em tempo real;
  • Dicas para profissionais que trabalham com apostas como traders e punters;
  • Alertas de notícias atualizadas;
  • Diversidade de formatos de conteúdos;
  • Atualizações periódicas sobre o mercado de apostas no futebol para ajudar você em seus próprios palpites;
  • Dicas de ouro sobre automação de apostas;
  • Explicações periódicas sobre bots, dicas com estratégias de apostas e tips de futebol;
  • Divulgação de artigos, vídeos, guias dentre outros;
  • Dicas de apostas em geral;
  • Orientações sobre ferramentas e portais que servem para ajudar postadores;

Como as dicas de apostas do Telegram e WhatsApp pode te ajudar?

Como as dicas de apostas do Telegram e WhatsApp pode te ajudar?

Ajuda é uma coisa que os apostadores estão sempre procurando, dados reais, atualizados decerto fazem toda a diferença na hora de lucrar nas apostas esportivas. A troca de informações ajuda muito essas pessoas e é por isso que a TIPS do Telegram e WhatsApp são tão vantajosa para você.

Diferente dos grupos de tips de apostas que costumam aparecer sem precedentes na internet, o grupo da nossa plataforma tem especialistas de verdade, tem conteúdo focado em esportes e as dicas realmente melhoram a vida dos integrantes no mercado de apostas.

O grupo da Shaftscore fornece dados estatísticos comprometidos em melhorar a leitura do jogo de futebol previamente e em tempo real, isso significa que seja você um iniciante, um trader esportivo ou um punter, as informações serão como ouro para suas apostas.

Não perca mais tempo. Participe dos nossos grupos e confira nosso conteúdo de uma maneira como você nunca viu!

Obs: Basta entrar apenas em um grupo abaixo, o conteúdo é o mesmo.

Estamos fazendo ajustes no grupo do WhatsApp.

Visita guiada ao grupo de piratas do Telegram que sacam notícias sem pagar

Visita guiada ao grupo de piratas do Telegram que sacam notícias sem pagar

Internet

Internet

Às 3h00 da manhã, a maioria das pessoas está a dormir, mas Carlos Eugénio, diretor executivo da Visapress, já foi acordado por mais de uma vez com notificações no telemóvel de um grupo do Telegram. “Muitas vezes é a essa hora que começam a ser disponibilizados os jornais do dia”, refere o diretor da entidade que gere os direitos de autor de órgãos de comunicação social.

Jornais & Revistas PT é o grupo de Telegram em causa. Tem mais de 10 mil membros. Todos eles unidos num único propósito: “sacar” à borla e à margem da lei as notícias, reportagens, crónicas ou entrevistas que os jornais e revistas publicados em Portugal tentam vender para manter-se no ativo.

Público, Jornal de Notícias, Visão, Record, A Bola, Expresso, Correio da Manhã, National Geographic e até os mais variados suplementos comerciais podem ser encontrados no grupo de utilizadores Jornais & Revistas PT. Como seria de esperar, a Exame Informática também consta no extenso rol de vítimas que, neste caso, pouco mais podem fazer senão contentar-se com o facto de a pirataria ser também um sinal de interesse. “Já tentámos estabelecer vários contactos com o Telegram, mas nunca recebemos resposta”, refere Carlos Eugénio.

O Telegram iniciou a senda comercial nas plataformas de mensagens instantâneas de nova geração, que prometem encriptação e confidencialidade, com o apadrinhamento do magnata russo Pavel Durov, que a Forbes estima pertencer ao grupo das 1500 pessoas mais ricas do mundo.

No dia-a-dia, Pavel Durov não precisará de ler jornais em português ou de piratear notícias que deveriam ser só para subscritores, mas poderá, em breve, ter de dispensar alguma atenção aos títulos publicados no extremo oposto da Europa.

“Neste momento de pandemia, está tudo parado. Mas, depois deste período, contamos reunir com o Movimento Antipirataria na Internet (MAPINET). Tendo em conta a escala a que chegou a partilha dos mais variados conteúdos poderemos avançar para uma ação mais musculada. Caso não seja possível, avançaremos sozinhos”, explica Carlos Eugénio, deixando mais uma promessa: “se conseguirmos identificar alguma das pessoas que usam o grupo avançamos com queixa-crime”.

Jornais & Revistas PT pode ser o maior grupo especializado, mas não é o único: talvez para tirar partido da semelhança do nome, há ainda o Revistas & Jornais, que conta com mais de 5000 utilizadores do Telegram. E, numa coincidência que leva a crer num potencial franchising, há ainda o grupo Jornais & Revistas Internacionais, com mais de 4600 membros. Estes três grupos estavam abertos e pesquisáveis até há bem pouco tempo – mas agora, aparentemente, só aceitam membros mediante convite.

Pirataria Internacional

Aos grupos aparentemente criados em Portugal, há que juntar ainda os efeitos produzidos por sites como o Jornaleiro (mais de 24 mil membros), proveniente do Brasil, e outros que chegam a vários idiomas e que também distribuem os títulos portugueses em grandes quantidades.

Pela lei nacional, tanto quem distribui como quem descarrega jornais e revistas piratas está a cometer um crime punível com um máximo de três anos de prisão. O que levanta a questão: o que é que leva alguém a dedicar-se a quebrar os sistemas anticópia implementados pelos órgãos de comunicação e, nalguns casos, a ter paciência e tempo livre para copiar página a página os conteúdos de jornais e revistas portugueses para os disponibilizar à comunidade?

“Há muitas revistas que são distribuídas com printscreens… o que leva a crer que há pessoas que se dedicam de forma profissionalizada a este tipo de pirataria, apesar de, aparentemente, não lucrarem com isso. Não se consegue perceber qual o modelo de negócio… parece que apenas querem destruir o mercado”, refere Carlos Eugénio, numa ilusão à inexistência de cobrança de subscrições ou publicidade.

Durante esta conversa com vista para os grupos piratas do Telegram, é apontado mais um grupo de potenciais beneficiários: “este tipo de grupos também pode ser útil para todas aquelas entidades que teriam de pagar para ter clippings (seleções de notícias por temáticas) e que assim deixam de ter de os pagar”.

Carlos Eugénio não tem dúvidas de que, no final do dia, são as empresas que produzem os jornais e revistas que ficam mais pobres – mas lembra que o ecossistema vai muito além dos órgãos de comunicação social. “Este tipo de crime também afeta muitas gráficas e, tendo em conta os números da VASP, cerca de 10 mil pontos de venda de jornais e revistas”, acrescenta o responsável da Visapress.

“Com a aplicação de bloqueios, as pessoas já não têm a desculpa de que não sabiam de que estavam a visitar um site pirata.

Carlos Eugénio, diretor da Visapress

Ainda não houve um suspeito identificado que permitisse lançar um processo-crime, mas há pelo menos um dos membros mais profícuos destes grupos de Telegram que já merece o título de “velho conhecido” ou, pelo menos, de “grande coincidência”.

ArdinaPT é um dos fornecedores regulares do grupo Jornais & Revistas PT – e para Carlos Eugénio há uma probabilidade nada desprezável de se tratar do autor do site Ardina.news, que foi interditado no mercado português em 2019, ao abrigo do Memorando de Entendimento Antipirataria que tornou possível o bloqueio de sites manifestamente piratas por via administrativa. Mesmo bloqueado, o Ardina.News não deixou de operar. Até porque há sempre internautas dispostos a tentar a sorte com a alteração de DNS (o sistema de domínios de topo) ou com o recurso a proxys que mascaram a proveniência do acesso à Net e assim impedem a aplicação dos bloqueios tecnológicos solicitados pelos representantes dos direitos de autor à Inspeção Geral de Atividades Culturais (IGAC).

Ao contrário dos grupos de Telegram, no Ardina.News a fonte de receitas é notória: tem origem na publicidade, que é angariada e cobrada como se fosse um órgão de comunicação convencional, mas que não tem os custos com recursos humanos especializados, equipamentos, deslocações, redações, advogados para defender o direito a informar e ser informado, ou IRC e a Segurança Social, que os jornais e revistas têm de suportar.

Carlos Eugénio promete continuar a lutar contra a pirartaria, mas recorda que a mudança de paradigma depende essencialmente dos leitores. “Com a aplicação de bloqueios, as pessoas já não têm a desculpa de que não sabiam de que estavam a visitar um site pirata. Estes consumidores só recorrem a conteúdos ilegais se quiserem. Em contrapartida, quem cria estes sites ganha dinheiro com publicidade. Se as pessoas deixarem de visitar, estes sites acabarão por definhar”, conclui Carlos Eugénio.

Governo anuncia alargamento do universo de potenciais beneficiários aos apoios sociais

O Governo aprovou, esta quinta-feira, várias alterações ao apoio extraordinário ao rendimento dos trabalhadores, alargando a sua abrangência. Segundo Mariana Vieira da Silva, foi aprovado um decreto-lei que procede à regulamentação do apoio extraordinário ao rendimento dos trabalhadores e foi criada uma clausula que salvaguarda o valor do apoio extraordinário à redução da atividade do trabalhador.

Segundo o comunicado do Conselho de Ministros, este diploma visa alargar o número de beneficiários do apoio extraordinário ao rendimento dos trabalhadores, passando a abranger as pessoas que tenham tido quebra de rendimento no primeiro trimestre de 2021, e garantir a inclusão dos trabalhadores independentes sem atividade aberta ou sem atividade em 2019.

“Deixa de haver a necessidade de haver requisitos acumulativos de quebra”, explicou a governante, em conferência de imprensa, a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

“Este diploma tem duas grandes alterações”, adiantou. A primeira relaciona-se com a cláusula criada “que será para garantir que, com as alterações introduzias, ninguém fica a receber um valor inferior caso tenha uma remuneração diferente em 2019 ou 2020”.

Já a segunda é relativamente ao apoio extraordinário ao rendimento dos trabalhadores.

Por outro lado, segundo a nota divulgada e para efeitos da condição de recursos, deixa de ser considerado o valor do património imobiliário, além da habitação própria, até 450 vezes o valor do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), além da habitação própria, isto é, segundos imóveis até 197.464,5 euros.

O Governo garante que os pedidos que se encontrem pendentes serão revistos de acordo com estes critérios, e nos casos em que exista deferimento, serão pagos os valores com retroativos a janeiro.

Ana Mendes Godinho adianta que o Governo deu instruções à Segurança Social para se pagarem todos os valores a partir do momento em que entrou em vigor. “Os períodos de referência serão a partir de abril, e os pagamentos são feitos no início do mês seguinte”, esclareceu, garantido que a Segurança Social está a fazer “todos os esforços para adaptação do sistema informático” a esta nova forma de cálculo.



Publicar comentário
Interessante
17-04-2021
Oq apostar com o crush
Oq apostar com o crush

Estatísticas de vitória do cassino agora você pode jogar no seu iPhone ou smartphone para ganhar dinheiro onde quer que esteja, portanto...

02-06-2021
Ucatchers
Ucatchers

10 de abril de 2021 Matthew Pitt...

16-04-2021
Jogar loteria online
Jogar loteria online

Ahora, gracias a La loterГ­a online, puedes jugar de manera fГЎcil y de modo seguro a todos los juegos y apuestas del Estado sin tener que pasar por la administraciГіn...

08-06-2021
Esportes Virtuais
Esportes Virtuais

Os esportes virtuais, também conhecidos como eSports, são uma forma de entretenimento em franco crescimento em todo o mundo, suscitando o interesse de milhões de fãs, mas, para além do entretenimento, também gera interesse em muitas pessoas pelo facto de se poder apostar nos mesmos...

19-05-2021
We are sorry
We are sorry

By accessing, continuing to use, or navigating throughout this site you accept that we will utilise certain browser cookies to improve the experience which you receive with us...

15-06-2021
5 Dicas Sobre Apostas Desportivas Online em Portugal
5 Dicas Sobre Apostas Desportivas Online em Portugal

Se à primeira vista o ato de "apostar" parece dever tudo à sorte e ao acaso, uma análise mais aprofundada revela-nos uma verdade oposta: na verdade, “apostar” está mais próximo de uma certeza devidamente fundamentada, mais dependente da convicção do apostador do que da sorte...