X adversting

Site arena esportiva

Enrico NazaréAutor da publicação: Enrico Nazaré

Desde que se declarou independente da Sérvia em 17 de fevereiro de 2008, o Kosovo tem lutado pelo reconhecimento internacional de sua independência. Por razões geopolíticas, a declaração unilateral kosovar é razão de uma complexa disputa e, por isso, o Kosovo até hoje não foi aceito como membro das Nações Unidas (ONU). Apenas 98 dos 193 integrantes da ONU (51%) reconhecem-no como um país. Cientes das dificuldades no campo da diplomacia tradicional, as autoridades públicas e políticas kosovares passaram, então, a apostar na diplomacia do esporte na busca pela construção de sua imagem nacional e do desejado reconhecimento internacional. E como esporte é também geopolítica, na noite de 31 de março de 2021, a televisão estatal espanhola RTVE se recusou a tratar o adversário da seleção da Espanha como o time de um estado soberano, inclusive grafando a abreviatura “kos”, em letras minúsculas. Isso porque a Espanha é um dos cinco de 27 membros da União Europeia que não reconhecem o Kosovo.

Ao longo do século 20, o esporte, como fenômeno cultural e espetáculo de massas que representa, foi se consolidando como uma manifestação de caráter internacional. Como nos lembra o historiador Eric Hobsbawm, foi no período entre as duas grandes guerras mundiais que o esporte se tornou, definitivamente, “uma expressão de luta nacional, com os esportistas representando seus Estados ou nações, expressões fundamentais de suas comunidades imaginadas”. Falando mais especificamente do futebol, Hobsbawm acrescenta que “a imaginária comunidade de milhões, parece mais real na forma de um time de onze pessoas com um nome. O indivíduo, mesmo aquele que apenas torce, torna-se o próprio símbolo de sua nação”.

O historiador recorre ao termo de Benedict Anderson – “comunidade imaginária” – para fundamentar que a ideia de que as pessoas que vivem em um mesmo país estão ligadas umas às outras, mesmo sem nunca se conhecerem, se torna mais latente quando a seleção nacional de futebol entra em campo. Em outra obra, Hobsbawm volta a ressaltar o que considera poder dinamizador do futebol. “Praticamente desde que adquiriu um público de massa, esse esporte tem sido o catalisador de duas formas de identificação grupal: a local (com o clube) e a nacional (com a seleção nacional)”.

Para o sociólogo Richard Giulianotti “o futebol é uma das grandes instituições culturais, como a educação e os meios de comunicação de massa, que forma e consolidam identidades nacionais no mundo inteiro”. Por essa razão, vários autores, de diversos campos das ciências humanas, reforçam a ideia de que o esporte tem sido usado na construção da identidade nacional, servindo como um forte recurso simbólico e cultural, bem como fomentador do orgulho nacional ou da reputação e do reconhecimento internacional (Brentin & Tregoures), por isso é impossível dissociar a história do esporte moderno destes elementos e também da diplomacia pública (Cha).

Sabendo desta capacidade instigadora do esporte, em particular o esporte de alta competição internacional, a diplomacia kosovar, sem deixar de lado, obviamente, os meios da diplomacia tradicional, voltou suas atenções e seus esforços para o campo da diplomacia do esporte, buscando o reconhecimento internacional na arena esportiva, principalmente no Comitê Olímpico Internacional (COI) e no futebol na Fifa e Uefa. Uma estratégia de soft power com o objetivo de criar em um primeiro momento uma imagem deste novo país, para depois, a partir da existência deste reconhecimento simbólico, moldar uma imagem positiva e, portanto, atrativa, o que na literatura especializada se define como “nation branding“. Ao mesmo tempo em que esse esforço de mobilização internacional também permite ao poder político local estabelecer um senso de unidade nacional, a tal comunidade imaginada. E, assim, nestas duas frentes – doméstica e internacional – criar e consolidar os elementos de Estado (governo, território, povo) na “seleção nacional”.

Utilizando-se de outro instrumento da diplomacia pública suave (agentes não-estatais), o Kosovo recorreu, por exemplo, a futebolistas de origem kosovar, mas que atuavam por outras seleções nacionais, para persuadirem as instâncias futebolísticas. Em 2012, Lorik Cana (Albânia), Xherdan Shaqiri, Valon Behrami e Granit Xhaka (Suíça) escreveram uma carta aberta endereçada à Fifa, pleiteando que o Kosovo tivesse o direito a disputar amistosos internacionais. Na ocasião, o então vice-ministro das Relações Exteriores kosovar, Petrit Selimi, afirmou que “ser reconhecido no campo do futebol tem uma ressonância muito maior do que num bastidor qualquer em Bruxelas”. O fundamental, na avaliação das autoridades do país, era marcar presença na esfera internacional.

Após muitas discussões e negociações que também envolveram a Sérvia, país do qual, recorde-se o Kosovo se proclamou independente unilateralmente, em 2013 a FIFA sinalizou que iria aceitar que um selecionado kosovar realizasse jogos amistosos, desde que não houvesse bandeiras e execução de hinos nacionais. Ao entrar em campo pela primeira vez, no dia 5 de março de 2014, para um amistoso com a seleção do Haiti, a sensação que seu povo teve foi de como se, finalmente, a sua nação estivesse reconhecida. E foi precisamente o futebol que deu aos kosovares o senso de reconhecimento internacional à sua identidade nacional.

O triunfo da diplomacia do esporte do Kosovo, contudo, ainda levaria um tempo até se concretizar. Primeiro, o reconhecimento olímpico. Quando a 9 de dezembro de 2014, o COI aceitou a adesão efetiva do Comitê Olímpico do Kosovo. No futebol, isso só aconteceria em maio de 2016. No dia 3, a Federação Kosovar de Futebol passa a ser membro pleno da UEFA e no dia 16, da FIFA. Desde então, antes da atual eliminatória para a Copa do Mundo 2022, o Kosovo já participou das eliminatórias para a Copa do Mundo 2018 e Euro 2020, além de ter jogado no quarto escalão da Liga das Nações 2018/19, subindo para o terceiro nível em 2020/21.

A recusa espanhola

A Espanha é o único país da Europa Ocidental a não reconhecer a independência do Kosovo. Ao contrário do que acontece com relação à posição de países como Rússia e China, que não reconhecem o Kosovo por causa das suas relações próximas com a Sérvia, o caso espanhol tem a ver com a política doméstica. A alegação do governo espanhol é que a autoproclamação de soberania fere o direito internacional. Assim, a Espanha manda um recado aos independentistas bascos e catalães. Aliás, o governo da Comunidade Autonôma Basca de pronto sinalizou como “positiva” a independência kosovar, enquanto os partidos independentistas da Catalunha traçaram paralelos entre a situação deles e a do Kosovo.

Foi a influência política e os interesses do governo espanhol que ditaram o posicionamento da TV estatal RTVE. Na transmissão, para além das letras minúsculas “kos” em oposição às maiúsculas “ESP” nas abreviaturas dos nomes dos países (na emissão internacional da UEFA “KOS” estava em maiúsculas), evitava-se a referência ao adversário espanhol como um país, usando-se termos como “equipe do território do Kosovo”. Na crônica da partida no site oficial da seleção espanhola, tampouco há a referência ao Kosovo como um país. Enquanto o time espanhol foi referenciado como “seleção espanhola”, os kosovares apenas “combinado kosovar”. Já na ficha técnica vem ESPANHA, assim, em letras garrafais e “seleção kosovar”.

O episódio espanhol apenas reforça que a estratégia do Kosovo pela diplomacia do esporte tem sido acertada e eficaz. Por um lado, o país marca presença na arena global ao participar de jogos deste calibre. Por outro, demonstra que o incômodo da Espanha ao lidar com a situação deixa bem claro que a presença kosovar na esfera internacional é um fato inevitável. No dia 8 de setembro a Espanha vai ter que se deslocar até o “território do Kosovo”. Vamos ver como os espanhóis vão lidar com a incômoda realidade.

Aposta esportiva quando o jogo é adiado

Aposta esportiva quando o jogo é adiado

Se você já fez uma aposta esportiva num jogo que foi adiado, sabe bem como isso pode ser chato. Embora faça parte da vida do apostador, esse tipo de situação nem sempre é agradável. Afinal, como sempre, dependemos dos regulamentos de cada casa de apostas. Muitas vezes, até mesmo de como elas interpretam seus próprios regulamentos.

O que fazer com sua aposta esportiva quando o jogo é adiado

Você fez a análise da partida, identificou uma oportunidade e investiu de acordo com seu método e gestão de banca . Está tudo certo, a não ser por um detalhe: o jogo foi adiado. E agora, o que fazer?

Antes de mais nada, precisamos entender que os adiamentos, embora não sejam tão comuns, podem acontecer a qualquer instante. Eles ocorrem por motivos alheios à nossa vontade – como questões meteorológicas , por exemplo. Então, ao invés de ficar se lamentando, o ideal é entender como agir nesses casos.

Na realidade, aliás, não há exatamente alguma providência a tomar. Isso porque as casas de apostas preveem esse tipo de situação em seus termos e condições. Cada uma delas, portanto, tem suas próprias regras.

Em geral, o que a maioria das casas faz é esperar por um determinado tempo para que o evento aconteça. Se ele não for realizado, as apostas são canceladas e o dinheiro, naturalmente, devolvido aos apostadores.

Porém, este é mais um bom exemplo da importância de ler (e entender) os termos e condições de cada site.

Apostas esportivas em jogos adiados: o que acontece em cada casa

Listamos abaixo o que dizem os regulamentos de diversas casas de apostas para os casos de jogos de futebol adiados. Confira:

A Bet 365 considera como “não participantes” todas as partidas não jogadas ou adiadas. Porém, há exceções. As apostas continuam valendo se os jogos ocorrem na mesma semana, por exemplo. A casa, aliás, considera que a semana termina no domingo. O mesmo vale no caso de eventos adiados para segunda à noite por causa da transmissão pela TV.

Os termos e condições da Betfair não falam especificamente sobre eventos adiados. Todas as vezes em que o termo aparece, está acompanhando de “abandono” e “cancelamento”, por exemplo. De toda forma, em linhas gerais, a casa aguarda por três dias até a resolução da partida. Caso isso não ocorra, ela acata a decisão da entidade promotora do evento. Mas, em determinados casos, também pode cancelar todas as apostas.

A 188Bet é mais clara no que diz respeito às apostas em eventos adiados. Se a partida não ocorrer em até 36 horas depois do horário previsto, todas as apostas serão canceladas. A casa ainda é taxativa em afirmar quem manda neste tipo de situação: ela própria. Em outras palavras, o cancelamento das apostas, nestes casos, independe das decisões dos promotores do evento.

A Betboro peca pela pouca clareza no texto que regulamenta os casos de partidas adiadas. Em suma, a casa devolve as apostas feitas em eventos que não acontecerem após 30 horas do início previsto. Porém, ao invés de deixar isso o mais claro possível em seus termos e condições, a casa prefere outro caminho. Ela informa que as apostas serão calculadas com odd 1. Na prática, isso é a mesma coisa de devolver o dinheiro ao apostador.

A Rivalo aguarda até o final do dia seguinte à data original da partida para decidir sobre eventos adiados. Se o jogo for realizado neste período, todas as apostas são validadas. Porém, se a partida não acontecer nesse meio tempo, as entradas serão canceladas. Isso, inclusive, independe de decisões da organização do evento. Se a partida é marcada para a semana seguinte, por exemplo, os mercados serão abertos como sendo um novo evento.

Na Sportingbet, o prazo de carência para a manutenção das apostas em eventos adiados é de 72 horas. Ou seja, se o jogo acontecer dentro deste período, todas as entradas continuam valendo normalmente. Por outro lado, se as 72 horas forem atingidas, as apostas são canceladas.

As regras da Betboo são exatamente as mesmas da Sportingbet. Aliás, até mesmo o texto que as descreve é igual em ambos os sites.

A 1xbet adota política semelhante à de diversas casas em relação a eventos adiados. Ou seja, estipula um prazo para que a partida ocorra. Assim, neste caso, as apostas são mantidas por 48 horas a contar do horário oficialmente programado para o jogo. Se ele não acontecer neste período, as entradas são anuladas. Porém, a casa se reserva ao direito de aumentar este prazo quando entender necessário.

No ApostasOnline, a situação é semelhante. Ou seja, a casa aguarda por 48 horas para saber se o evento será ou não realizado. Caso ele de fato não ocorra, todas as entradas são canceladas. O site lembra, em seus termos e condições, que considera o horário local da praça da partida.

Na Bumbet, as regras são as mesmas apresentadas no parágrafo acima. Ou seja, a casa espera o evento por 48 horas para, então, cancelar as apostas.

Das casas pesquisadas para este artigo, a Bodog é a que mais traz incertezas em casos de eventos adiados. Isso porque ela não informa claramente como serão resolvidas as apostas nessas situações. Em seus termos e condições, a casa afirma que espera 12 horas pela realização da partida. Após isso, porém, o resultado das apostas fica “a critério exclusivo da empresa”.

A BetWinner utiliza regra semelhante à adotada pela 1xbet. Assim, a casa aguarda 48 horas para que o evento adiado seja realizado antes de cancelar as apostas. Porém, este prazo pode ser estendido caso a empresa julgue necessário.

Escolha a melhor casa de apostas para você

Agora você já sabe o que acontece com as apostas esportivas quando o jogo é adiado. E para entender melhor as qualidades e defeitos de cada casa, confira o review exclusivo do ApostasFC de mais de 60 sites de apostas diferentes que atuam no Brasil.

Lar do UFC, Las Vegas terá nova arena esportiva em 2016

Palco das lutas mais aguardadas do planeta, a cidade americana de Las Vegas (Nevada) ganhará uma nova arena multiesportiva em 2016. O empreendimento, bancado pela empresa de comunicação MGM, custará 375 milhões de dólares (cerca de 844 milhões de reais), terá 650.000 metros quadrados e capacidade para 20.000 espectadores. Na última quarta-feira, o presidente do UFC Dana White participou do lançamento da pedra fundamental da arena e admitiu que Las Vegas precisava de um lugar como esse. “Se há uma coisa que Las Vegas precisa é de uma arena esportiva de ponta. Ela não será benéfica apenas para o UFC, mas para todos os outros eventos que virão para cá. Acho que as pessoas ainda não se deram conta do que representará para a cidade, e quanto ela mudará o panorama dos eventos esportivos aqui”, contou White ao site MMA Junkie.

Leia também:

“Estive em praticamente todaa as arenas de ponta no mundo, e se os planos que vi para esta forem concretizados, ela deixará todas as outras para trás.” Dana White ainda garantiu que o primeiro evento no local será uma edição do UFC. “O MGM já me prometeu a primeira data disponível. Não me importo com o que Richard Schaefer diz”, disse White, referindo-se aos planos de Richard Schaefer, empresário do astro do boxe Floyd Mayweather, quer queria inaugurar a arena com uma luta de boxe. Por fim, Dana White revelou que pretende fazer ainda mais eventos em Las Vegas a partir de 2016 e disse que o MGM Grand Garden Arena e o Mandalay Bay – palcos dos principais eventos do UFC – continuarão a ser utilizados, mas com menor frequência.

Pessoas aguardam vacinação em Madri 9/4/2021 REUTERS/Sergio Pérez reuters_tickers

MADRI (Reuters) - O número de moradores de Madri que rejeitam a vacina contra Covid-19 da AstraZeneca aumentou acentuadamente desde que a Espanha suspendeu seu uso a pessoas de menos de 60 anos em reação a preocupações com reações adversas, disse o chefe de saúde pública regional nesta sexta-feira.

O país adotou a restrição na quarta-feira depois que a Agência Europeia de Medicamentos (EMA) relatou um elo entre as vacinas e uma forma rara de coágulo sanguíneo cerebral que afeta uma de cada 100 mil pessoas de menos de 60 vacinadas.

No dia seguinte, somente 10.800 moradores de Madri apareceram para receber uma injeção da AstraZeneca entre as mais de 29 mil que agendaram uma vacinação, disse Antonio Zapatero em uma coletiva de imprensa – uma taxa de rejeição de cerca de 63%.

Até a noite de quinta-feira, só cerca de 45% das pessoas haviam confirmado seus agendamentos de vacinação para esta sexta-feira, acrescentou.

Antes da mudança de diretriz, a taxa de rejeição era de cerca de 2%.

Zapatero culpou o Ministério da Saúde nacional, que vinha administrando o imunizante a trabalhadores essenciais de mais de 18 anos, por semear confusão e desestimular as pessoas a receber a vacina.

Mas longas filas se formaram diante da arena esportiva Wizink, hoje convertida em um grande centro de vacinação.

"Isto é fenomenal", disse Pilar, uma enfermeira aposentada contratada para ajudar a iniciativa de inoculação. "Quanto mais administramos vacinas, mais cedo podemos voltar à normalidade".

A Espanha pretende imunizar cerca de metade de seus 47 milhões de habitantes até o final de julho. Até agora, cerca de 6,5% receberam as duas doses das vacinas.

(Por Emma Pinedo, Aida Pelaez-Fernandez e Guillermo Martinez)



Publicar comentário
Interessante
12-07-2021
Dictionaries. An International Encyclopedia of Lexicography : Supplementary Volume: Recent Developments with Focus on Electronic and Computational Lexicography
Dictionaries. An International Encyclopedia of Lexicography : Supplementary Volume: Recent Developments with Focus on Electronic and Computational Lexicography

Die Reihe HANDBÜCHER ZUR SPRACH- UND KOMMUNIKATIONSWISSENSCHAFT erschließt einen Wissensbereich, der sowohl die allgemeine Linguistik und die speziellen, philologisch orientierten Sprachwissenschaften als auch diejenigen Wissenschaftsgebiete umfasst, die sich in den letzten Jahrzehnten aus der immer umfangreicher werdenden Forschung über die vielfältigen Erscheinungen des kommunikativen Handelns entwickelt haben...

25-05-2021
Gonzo’s Quest Slot Review
Gonzo’s Quest Slot Review

Gonzo’s Quest by NetEnt takes you on a quest for treasure and the lost city of gold, El Dorado...

06-09-2021
Les meilleurs paris sportifs gratuits
Les meilleurs paris sportifs gratuits

Tout savoir sur les freebets ou paris gratuits...

09-09-2021
Apostas em Futebol – Dicas Para Começares a Ganhar
Apostas em Futebol – Dicas Para Começares a Ganhar

O futebol é provavelmente a modalidade desportiva que movimenta mais dinheiro no mundo das apostas desportivas...

20-06-2021
Aposte online com casas de apostas online do 888sport
Aposte online com casas de apostas online do 888sport

O 888sport é um dos mais inovadores e dinâmicos sites de apostas online no negócio, com dezenas de mercados de apostas pré-jogos e ao vivo online, uma série de promoções diárias de Bónus em Apostas e um site simples e fácil de usar em desktop, telemóvel e por meio da aplicação 888sport...

15-06-2021
Baixar arena esportiva bet
Baixar arena esportiva bet

Baixe a última versão do Super Tips Bet APK para Android grátis em Português...